A mata atlântica na beira do mar

Há quem acredite que o entretenimento em Armação dos Búzios se resume em somente praias paradisíacas, restaurantes maravilhosos e festas super legais. Búzios vai muito além da areia e água salgada. Para quem não conhece na cidade também existe um parque de proteção ambiental de mata nativa.

A Serra das Emerências faz parte do Parque Estadual da Costa do Sol e é um dos pontos mais altos do parque, a serra fica entre as Praias de Tucuns e José Gonçalves. No local é possível ver algum dos animais que já entraram na lista de ameaçados de extinção como: preguiça de coleira, o mico-leão-dourado e o macaco prego. O parque também é uma, mas maiores reservas de Pau Brasil do estado do Rio de Janeiro.

Visando proteger o parque em 2002 foi assinado o Decreto Estadual nº31.346 a APA (Área de Proteção Ambiental) que visa proteger a mata dessa região e estende sua proteção a uma parte marinha, incluindo o fundo do mar, a lâmina d’água e a superfície, compreendendo as Ilhas Comprida, Redonda, do Papagaio, Dois Irmãos, Capões e Emerências. Além das ilhas, fazem parte da área delimitada pelas APAPB (Área de Proteção Ambiental de Pau Brasil) praias de José Gonçalves, das Caravelas, das Conchas (Cabo Frio), Brava e de Tucuns.

Esse decreto tem como objetivo de proteger os ambientes remanescentes de Mata Atlântica, manguezais, restingas, ilhas, dunas e aspectos geológicos.

Além de uma fauna surpreendente, a flora do parque também é de tirar o folego. No local existem várias outras plantas nativas da nossa mata atlântica, essa diversidade vai além da arvore que leva o nome do nosso país, no parque também é possível ver o cacto conhecido como “cabeça branca”, esse maravilhoso exemplar pode chegar a 7m de altura e também é possível ver várias espécies de bromélias.

Diante a toda essa biodiversidade é muito comum ver a presença de biólogos estudando o parque.

No local é possível fazer algumas trilhas e para chegar no ponto mais alto da serra é necessário caminhar em uma trilha leve de cerca de 50 minutos o percurso possui aproximadamente 3,2km e chega a 180m do mar. No local também é possível fazer emocionante salto de asa delta e aterrissar na Praia de Tucuns.

Eco trilhas

Armação dos Búzios possui também várias outras eco trilhas para quem curte estar mais próximo a natureza. Na cidade existem vários roteiros de caminhada de todos os tipos de dificuldades entre as mais tranquilas está a do “Mangue de Pedra” que leva até o Pai Vitório, esse caminho apenar de fácil possui bastante pedras. Na Ponta do Pai Vitório é onde acontecia o desembarque de escravos proveniente do tráfico.

Já uma trilha de nível médio podemos falar sobre a que vai da Praia da Ferradura a Praia dos Amores, esse caminho passa por uma trilha antiga de pescadores e o terreno é arenoso com várias subidas e descida. Para quem está cansado de continuar a pé pode terminar o passeio por agua é possível fazer esse trajeto também de caiaque.

Uma trilha com o trajeto moderado-difícil vem a rota da Ponta das Poças e Sítio da Cobras, que circulam por caminhos abertos por índios. Essa trilha possui um pequeno trecho que varia entre escalada e caminhada que segundo os aventureiros mais iniciantes é bem tranquilo de passar. Durante o trajeto podemos ver 5 piscinas naturais e 2 córregos de água salgada.

Mais uma trilha que temos em terras búzianas é a trilhada pedra do guardião, ela também é considerada moderada e possui cerca de 3,5km de distância (ida e volta), apesar do tamanho do trajeto ela é considerada tranquila de se percorrer. Para aos amantes de meditação essa trilha é ótima por ser tranquila e ter o mar batendo na sua frete.

Além de todas essas trilhas existem muitas outras na cidade vale muito a pena contratar um guia para lhe acompanhar nessa aventura.

Uma dessas trilhas que mais amamos é a Trilha da Ferradurinha, no trajeto passamos por: Poça da Tartaruga, Enseada do Cálice, Buraco do Céu, Ponta do Canivete, Pedra do Guardião, Enseada das, Gruta da Ferradurinha e Praia dos Amores (que fica em frente pra Praia da Ferradurinha).

Bike

Além de trilhas a pé, em Búzios também é possível fazer alguns desses trajetos de bicicleta. Isso mesmo muitas delas são para trilheiros mais avançados, pois, possuem muitos espinhos, areia, cascalho, subidas e descidas além de raízes altas

 

Tirando as últimas dúvidas

Para quem nunca teve a oportunidade de fazer uma trilha aconselhamos:

  • Contratar um guia experiente no local em que você vai;
  • Mochila, aconselhamos uma mochila confortável e que tenha espaço para tudo que você vai levar de modo você fique com as mãos livres;
  • Hidrate-se, leve água o suficiente para todo o trajeto;
  • Protetor solar, o uso desse dermocosmético não é um luxo ele é extremamente importante para evitar insolações ou queimaduras pelo sol mais graves;
  • Tênis, calçados confortáveis ajudam a você ter um melhor desempenho durante o trajeto assim diminuindo o cansaço;
  • Xô mosquitos, o repelente ajuda muito a manter os insetos longe de você;
  • Lanchinhos, são fundamentais para repor as energias após um longo período de caminhada.

Estando com tudo preparado, está na hora se jogar na trilha e ter experiências únicas.

Boa aventura!

Deixe o seu comentário